Emocionada, Janaína Paschoal lembra que PT negou a Constituição (Veja o vídeo)

Uma verdade bem lembrada nesta quinta-feira (28) por Janaína Paschoal, uma das autoras do pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff. O Partido dos Trabalhadores negou a Constituição.  O PT se recusou a participar da homologação coletiva da Constituição de 1988.


Uma clara demonstração dos caminhos tortuosos sempre assumidos pelo partido, que em sua trajetória avessa, sempre buscando fazer oposição sistemática a tudo e a todos, guindado à posição de situação, pisoteou todos os seus princípios e chafurdou-se num mar de lama por um projeto de poder.

Diante deste quadro, o PT perdeu todas as condições de governar. A presidente está completamente desmoralizada.

Dilma está fora...

Porém, as consequências que advirão nos próximos dias não permitirão que o país durma. Novos e importantes acontecimentos vão eclodir.

Lula não terá mais, de forma alguma, o nefasto ‘foro privilegiado’.

Diante disso, é quase inevitável uma nova investida da Operação Lava Jato contra o ex-presidente Lula, agora totalmente enfraquecido.

Com tudo isto, está definitivamente enterrado o projeto de pode r estruturado pelo PT. Um plano de poder para vinte anos.

Após a reeleição de Dilma, o sonho petista era ampliar este projeto. Lula voltaria em 2018, ficaria mais oito anos, para a implantação de algo nos moldes de Cuba, Venezuela ou Bolívia.

O impeachment pôs fim a tudo isso. O plano ruiu.

Amanda Acosta

redacao@jornaldacidadeonline.com.br

Veja o vídeo:

https://www.facebook.com/jornaldacidadeonline

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal da Cidade Online

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política