Augusto Nunes detona ‘aproveitadores da pandemia’: "Chegada da vacina pariu a 2ª onda de safadeza" (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Na última quinta-feira (28), o jornalista Augusto Nunes falou, no Jornal da Record, sobre os desvios e as manipulações que vem sendo feitas durante a pandemia, onde diversas pessoas, entre governantes, autoridades e empresários, vêm se aproveitando da situação para a roubalheira e a safadeza.

Em uma análise mais que precisa da situação, Augusto Nunes declarou:

“A chegada ao Brasil da pandemia de coronavírus, teve como imediato efeito colateral a primeira onda de bandalheiras tramadas por governantes e empresários bandidos. O ‘covidão’ foi coisa de larápio”, disse ele.

Ao comentar sobre os problemas que vem sendo enfrentados desde o início da imunização, Nunes alega que a culpa é da roubalheira e da safadeza, contra as quais não há vacina:

“A chegada das vacinas pariu a segunda onda de safadezas, já batizada de ‘vacinão’. É coisa de vigarista’, continuou ele.
“Os primeiros a furarem a fila foram prefeitos, seus assessores de estimação e até namoradas. A malandragem foi ampliada por dirigentes sindicais, dispostos a tudo para subverter a fila com a inclusão das categorias a que pertencem. Vale insistir: não há vacina contra a roubalheira e a safadeza. O remédio é uma quarentena no presidio."

Confira:

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar