Obama dá a linha para derrotar Trump: ironizá-lo

‘Dizem que falta a ele experiência na política externa para ser presidente. Mas sejamos justos, ele passou anos se encontrando com líderes de todo o mundo: a Miss Suécia, a Miss Argentina, a Miss Azerbaijão’, brincou Obama, lembrando que Trump foi por muito tempo o organizador do concurso Miss Universo. Arrancou gargalhadas da plateia.


A fala irônica aconteceu em seu último jantar com correspondentes da Casa Branca - tradicional evento anual em que os presidentes americanos fazem uma espécie de stand-up comedy .

Presente nas últimas edições do jantar, que reúne políticos, jornalistas e celebridades, Trump não apareceu desta feita. Obama não deixou escapar. ‘Será que este jantar é muito brega para Donald? O que ele poderia estar fazendo em vez de estar aqui?’ questionou. ‘Tuitando insultos para Angela Merkel?’. Novas gargalhadas.

Ao comentar sobre o seu sucessor na Casa Branca, Obama disse: ‘no ano que vem outra pessoa estará neste lugar, e é difícil saber quem será ela’. Hillary é a única mulher na disputa pela presidência dos Estados Unidos.

Parece ser o tom certo para derrotar Trump. Desmoralizá-lo com ironias, sem entrar em suas provocações.

Hillary recebeu o recado.

da Redação

  https://www.facebook.com/jornaldacidadeonline

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal da Cidade Online

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Internacional