Mulher "surta", agride comissária durante voo e é amarrada

Ler na área do assinante

Na última quarta-feira (03), um voo da empresa Gol, que decolou de Fortaleza, no Ceará, com destino ao Aeroporto Internacional do Galeão, no Rio de Janeiro, precisou retornar ao Aeroporto de Fortaleza por causa de uma passageira.

Segundo informações, uma mulher, que não teve o nome divulgado, surtou a bordo, dizendo que o avião iria cair e, quando uma comissária tentou intervir, a mulher acabou agredindo-a.

Logo após, a passageira foi contida pela tripulação e outros passageiros, sendo amarrada.

A aeronave, que estava abastecida para um voo de três horas, precisou fazer órbitas próximo da região das praias de Cumbuco para queimar combustível e propiciar um pouso mais seguro.

Após a aterrisagem, a passageira foi levada pela Polícia Federal.

Em nota oficial, a empresa Gol se pronunciou sobre o ocorrido:

“A GOL informa que o voo G3 2213 (Fortaleza – Rio de Janeiro), após a decolagem, precisou retornar ao Aeroporto de Fortaleza por questões relacionadas a saúde de uma passageira.
A Companhia ressalta que ofereceu toda a assistência necessária a cliente e, após o desembarque da mesma, o voo seguiu viagem, com previsão de pouso às 23 horas no Aeroporto do Rio de Janeiro”.

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar