Sindicato sofre derrota na Justiça e São Paulo retoma aulas presenciais nesta segunda-feira

Ler na área do assinante

Apesar da tentativa do Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo (Apeoesp) de recorrer à Justiça para suspender o retorno presencial das aulas, o governo estadual conseguiu que escolas públicas e privadas de SP retomassem o ensino. A decisão partiu do próprio presidente do Tribunal de Justiça, Geraldo Francisco Pinheiro Franco, que autorizou a retomada, inclusive, nas cidades com fases mais restritivas do plano estadual.

Assim, seguindo as medidas de combate à disseminação da Covid-19, as instituições de ensino estaduais estão liberadas para o retorno às aulas presenciais a partir desta segunda-feira (8). Nas particulares, as atividades já voltaram em 1º de fevereiro e na rede municipal, o início está marcado para o dia 15.

Exatamente, 5.100 unidades estaduais estão autorizadas a trabalhar no sistema híbrido (virtual e presencial); com 35% dos estudantes presentes a cada dia para cidades em fase vermelha ou laranja. Na fase amarela, como é o caso da capital paulista e da Grande São Paulo, a capacidade por sala é de 70% dos alunos.

Após este retorno, o governo estadual avaliará percentuais ainda maiores.

Em comunicado, a Secretaria Estadual de Educação salientou, no entanto, que a participação presencial dos alunos cabe às famílias decidirem.

"Cada unidade escolar poderá definir como irá realizar o rodízio de alunos e suas atividades presenciais e remotas. A carga horária também poderá ser adaptada para o cumprimento das normas. Por isso, é importante que pais, responsáveis ou alunos maiores de 18 anos entrem em contato com a sua escola para saber os dias e horários em que poderão ir, presencialmente, na unidade. Os alunos, que não puderem acompanhar as aulas nas escolas, devem fazer via Centro de Mídias SP, remotamente", afirmou a nota.

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Fonte: G1

da Redação
Ler comentários e comentar