Morre o advogado que "destruiu" Zanin em plena audiência (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Na manhã desta quinta-feira, 11, o advogado René Ariel Dotti faleceu, aos 86 anos, em Curitiba.

A informação foi confirmada pelo escritório de advocacia da família de Dotti.

De acordo com a nota emitida pelo escritório, Dotti morreu em casa, onde cumpria distanciamento social desde o início da pandemia, vítima de uma parada cardiorrespiratória.

Professor titular de Direito Penal da Universidade Federal do Paraná (UFPR), René Dotti atuou como advogado em vários casos de repercussão nacional.

Dotti representou a Petrobras em processos relacionados a Operação Lava Jato.

O advogado também foi secretário estadual da Cultura do Paraná, no final da década de 1980.

Dotti deixa esposa, duas filhas e quatro netos.

A Ordem dos Advogados do Brasil lamentou o falecimento e decretou luto oficial de três dias.

Durante parte do processo de condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Dotti chamou a atenção de todo país ao perder a paciência com o advogado Cristiano Zanin Martins, defensor do petista, a quem deu uma verdadeira aula de ética.

Assista:

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar