Governo cala a esquerda e comemora menor nível de desmatamento na Amazônia, em quatro anos

Ler na área do assinante

O Ministério da Defesa informou, nesta sexta-feira (12), que janeiro de 2021 apresentou a menor área de alertas de desmatamento na Amazônia Legal dos últimos quatro anos. Segundo dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), uma redução de 70% em relação ao mesmo mês de 2020.

De agosto de 2020 a janeiro de 2021, deixaram de cortar o equivalente a 988 km² de floresta, uma área maior do que a cidade de São Paulo, por exemplo.

Recentemente, o vice-presidente, Hamilton Mourão, que também é presidente do Conselho Nacional da Amazônia Legal (CNAL), anunciou a substituição da “Operação Verde Brasil 2” pelo novo Plano Amazônia 21/22. A ação vai focar em onze municípios principais, onde o Governo Bolsonaro já sabe que ocorrem "70% do desmatamento e crimes ambientais.

"Sete estão localizados no Pará, um em Rondônia, dois no Amazonas e um no Mato Grosso. Foram elencados como as áreas prioritárias. Esse foi o eixo principal que norteou nosso Plano Amazônia", detalhou, na quarta-feira (10), Mourão.

O Ministério da Defesa destacou que o decréscimo no número de desmatamento é o reflexo de um trabalho integrado na região.

"Esses dados demonstram o bom desempenho do trabalho integrado coordenado pelo Conselho Nacional da Amazônia Legal (CNAL) na região, principalmente por meio da Operação Verde Brasil 2", elogia a pasta.

A “Operação Verde Brasil 2” já apreendeu 331 mil m³ de madeira, 1.699 embarcações, 326 tratores e 20 aviões/helicópteros, gerou 4.842 multas no valor total de R$ 3,33 bilhões.

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacaoFonte: R7

da Redação
Ler comentários e comentar