Megatraficante de armas sai pela porta da frente de presídio com alvará de soltura falso

Ler na área do assinante

Na última sexta-feira (12), o Ministério Público Federal informou que abriu inquérito para investigar a soltura de João Filipe Barbieri, condenado por tráfico de armas.

Barbieri cumpriu apenas 3 anos dos 27 a que foi condenado e saiu pela porta da frente do complexo de Bangu, na zona oeste do Rio de Janeiro, em novembro de 2020.

A investigação, determinada pelo procurador Eduardo Benones, será conduzida pelo Núcleo de Controle Externo da Atividade Policial do MPF.

Até o momento, foram solicitados esclarecimentos da Secretaria da Administração Penitenciária do Estado e da 8ª Vara Federal Criminal. O desembargador Marcelo Granado, relator do processo por associação para o tráfico e tráfico internacional de armas aberto contra o traficante na Justiça Federal, também foi notificado sobre a apuração.

Segundo as apurações realizadas até agora, a suspeita é de que Barbieri tenha usado um alvará de soltura falso para deixar o complexo de Bangu, na zona oeste do Rio, pela porta da frente em novembro de 2020. Embora já tenha recebido uma cópia do documento, o Ministério Público Federal ainda não confirmou a fraude.

João Filipe Barbieri é enteado de Frederick Barbieri, homem conhecido como ‘Senhor das Armas’, atualmente preso nos Estados Unidos. A quadrilha teria enviado mais de mil fuzis ao Brasil dentro de aquecedores de piscina.

As informações são de que a soltura de Barbieri foi autorizada por uma decisão interlocutória – tomada durante o processo sem a resolução definitiva do caso.

O alvará é atribuído pela Secretaria de Administração Penitenciária à 8ª Vara Federal Criminal do Rio. A Justiça Federal, no entanto, nega que tenha emitido qualquer documento para tirar o traficante da cadeia.

Depois que o caso veio à tona, uma nova ordem de prisão foi emitida pelo desembargador.

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Fonte: Veja

da Redação
Ler comentários e comentar