Falando sozinho, Amoêdo critica o governo até naquilo em que é a favor... Insanidade ou desonestidade?

Ler na área do assinante

O ex-candidato a presidente da República, João Amoêdo, em sua incontida ciumeira e descomunal inveja do presidente Jair Bolsonaro, arrumou uma maneira de criticar o presidente até mesmo naquilo em que ele próprio se diz favorável.

O sujeito perdeu a mão em sua oposição radical a tudo que vem do atual governo.

Felizmente, os deputados do NOVO não pensam como Amoêdo.

Aliás, de tanto dizer bobagens, hoje ninguém no partido lhe dá ouvidos.

Na questão da autonomia do Banco Central, o novo posicionamento de Amoedo é extremamente ridículo.

O sujeito sempre disse ser favorável. Aliás, o projeto é uma reivindicação antiga dos liberais.

Pois bem, bastou o projeto entrar na lista de prioridades elencadas pelo presidente Jair Bolsonaro, para que Amoedo saísse com a seguinte declaração:

“A autonomia do BC é positiva, fortalece a instituição e reforça a prioridade do combate a inflação.
Mas, na situação atual, a pauta prioritária é outra:
- reforma administrativa ampla
- reforma tributária
- privatizações
- aprovação da PEC emergencial”

Confira:

Insano, desonesto ou “burro” mesmo?

Ora, a autonomia do BC não é excludente em relação às demais prioridades por ele elencadas.

Ainda bem que Amoêdo fala sozinho...

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar