Dilma Vana: perdida, sozinha, abandonada e depressiva

Cada pessoa é exclusivamente responsável por suas escolhas.


Dilma sempre soube exatamente onde pisava, o que representava o PT ou a metamorfose avassaladora que fez com que um partido ideológico se transformasse numa organização criminosa.

A sua vaidade e soberba suplantaram o seu lado mais racional e fizeram com que a ‘mulher honrada’ fosse possuída pela ‘mulher insana’, fissurada pelo poder, anestesiada pela perversidade, refém de um ‘caudilho’ e de um marqueteiro.

A presidente vive presentemente o desastre anunciado. O povo, o país, os políticos, ninguém mais a suporta.

Até o seu criador, uma figura devassa, lhe quer distante, não mais a tolera.

Dilma teve a chance de se afastar do PT e se entregar ao Brasil.

Preferiu se ‘prostituir’...

Tchau querida!

Edmundo Zanatta

redacao@jornaldacidadeonline.com.br

                        https://www.facebook.com/jornaldacidadeonline

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal da Cidade Online

da Redação

Comentários

Mais em Política