Mãe é presa por amarrar criança de 3 anos em barril (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Outra criança, de apenas três anos, foi encontrada amarrada a um barril. Desta vez, o caso ocorreu no Parque Santa Amélia, zona leste de São Paulo, nesta quinta-feira (25).

O conselheiro tutelar Antônio Carlos Cazuza, que atua na região de Itaim Paulista, disse que a criança estava vivendo dentro do tambor. Ele recebeu um vídeo do local, que mostrava os maus-tratos e o conselho tutelar acionou a Polícia Militar e os agentes efetuaram o flagrante.

Além dos policiais militares, três conselheiros foram até o local. A criança estava no andar de cima da casa, sem roupas e amarrada. Ela foi vestida pelos policiais e não se mexia nem chorava.

O conselheiro narrou que a criança tem deficiência e estava desnutrida e que a mãe foi surpreendida com a chegada dos policiais, mas não demonstrou reação.

A mãe foi presa e, agora, a polícia investiga a tia da vítima, que seria a responsável por cuidar dela.

“Uma tia seria responsável por forçá-la a fazer", afirma o conselheiro.

Será feito exame de corpo de delito e a criança será levada para um abrigo da Prefeitura de São Paulo. A Vara da Infância e Juventude acompanhará o caso.

Confira o vídeo:

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Fonte: R7

da Redação
Ler comentários e comentar