Estuprador da sobrinha de 10 anos que fez aborto é condenado e pega 44 anos de prisão

Ler na área do assinante

O bandido de 33 anos que estuprou e engravidou a sobrinha de 10 anos foi condenado a 44 anos, 3 meses e 5 dias de prisão.

A gravidez da menina foi descoberta em agosto de 2020, quando ela deu entrada no Hospital São Matheus (ES) relatando dores abdominais.

Após constatada a gravidez, a menina contou que vinha sendo estuprada pelo tio desde que tinha 6 anos de idade, mas não havia denunciado por sofrer constantes ameaças.

A gravidez foi interrompida através de um aborto realizado em Recife (PE).

O estuprador estava preso desde o ano passado e passou por exames que confirmaram o crime.

De acordo com o Tribunal de Justiça do Espírito Santo, a sentença foi dada no início de fevereiro, tendo a pena que ser cumprida em regime fechado.

Os responsáveis pela defesa do estuprador apresentaram recurso, na tentativa de obter uma "pena mais justa".

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar