Arthur Lira ironiza decisão de Fachin: “Foi para absolver Lula ou Moro?”

Ler na área do assinante

No Twitter, o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), questionou a decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, que anulou todos os processos envolvendo o ex-presidente e ex-presidiário, Luiz Inácio Lula da Silva, na “Operação Lava Jato”, em Curitiba. A decisão de Fachin também beneficiou o ex-juiz federal e ex-ministro da Justiça, Sérgio Moro.

Chocado, como a maioria da população brasileira, Lira desabafou nas redes sociais:

“Minha maior dúvida é se a decisão monocrática foi para absolver Lula ou Moro. Lula pode até merecer. Moro, jamais!”, ironizou.

Na decisão, Fachin alegou a incompetência da 13ª Vara Federal de Curitiba processar e julgar o petista.

Lira, por sua vez, quando diz que "Lula pode até merecer", parece contemplar a roubalheira comandada pelo ex-presidiário.

Fato lamentável. O ladrão pode até merecer. O juiz, jamais.

Os autos, agora, devem ser remetidos para a Justiça do Distrito Federal. E, segundo o ministro, caberá ao "juízo competente decidir acerca da possibilidade da convalidação dos atos instrutórios", no caso de depoimentos e coleta de provas.

É a "República de Bananas"...

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar