Zé de Abreu comemora, mas é desmoralizado por deputado, que apresenta notas falsas do ator para justificar despesas da Rouanet (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Debochado, o ex-ator global, José de Abreu, também conhecido como “Zé do Cuspe” (por ter cuspido em um casal que discordava de seu posicionamento político), comemorou, nesta segunda-feira (8), a decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, de tornar nulo todos os processos contra o ex-presidente e ex-presidiário Luiz Inácio Lula da Silva.

Ao som de “Lulala” e bebendo uma champanhe Moet Chandon, o “Zé do Cuspe” celebrou a possível volta do petista ao cenário político eleitoral e, em consequência, às eleições presidenciais de 2022.

Porém, o deputado federal Sóstenes Cavalcante (DEM-AL) fez questão de responder, rapidamente, à ironia de Abreu e “lavou a alma” dos brasileiros de bem. O parlamentar comprovou que o ex-global quer é a volta da “mamata”, tanto é que entregou ao antigo Ministério da Cultura notas falsas para justificar despesas em projetos culturais realizados com dinheiro da Lei Rouanet.

Confira o vídeo:

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar