Situação de Frota se agrava, dívida com Caetano cresce e deputado se atola em erros e desacertos

Ler na área do assinante

Alexandre Frota está com sérios problemas.

Em setembro de 2020, Frota foi acusado, pelo Ministério Público, por falsidade ideológica na alteração societária de duas empresas de publicidade e realização de eventos, por inserir (ou fazer inserir) declaração falsa em documentos apresentados à Junta Comercial de São Paulo.

Em fevereiro deste ano, ele foi condenado a pagar R$ 50 mil como indenização por danos morais ao compositor Chico Buarque, e R$ 15 mil, pelo mesmo motivo, ao deputado estadual Douglas Garcia.

Agora, o parlamentar já deve R$ 94.457,31 ao compositor Caetano Veloso, após chama-lo de "pedófilo, ladrão e estelionatário" nas redes sociais.

A condenação ao pagamento ocorreu em novembro do ano passado, e o valor foi da indenização foi estipulado em R$ 60 mil, mas como até o momento Frota não efetuou o pagamento, os advogados do artista agora cobram o valor corrigido monetariamente e com acréscimo de juros.

Algum tempo atrás, Frota comentou o ocorrido:

“Se descobre a Playboy em que a Paula Lavigne diz que aos 13 anos de idade o Caetano teve relações sexuais com ela, ele tendo 40 anos de idade. E aí entrou uma #CaetanoPedófilo e ele ficou louco com isso, obviamente. O MBL (Movimento Brasil Livre) fez mais de 80 postagens. E o Caetano abriu processos contra mim, contra o MBL e pessoas que compartilharam”, relatou ele.

Por essas e outras, a perspectiva do futuro de Frota é a pior possível.

Deve perder a reeleição, ficar sem mandato, sem emprego e atolado em processos e dívidas.

Que situação...

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar