O "poste" quer receber visita da polícia... Puro blefe!

Ler na área do assinante

Fernando Haddad, o "poste" preferido de Lula, resolveu sair em defesa do youtuber Felipe Neto, intimado a depor com base na Lei de Segurança Nacional.

O "imitador de focas" chamou o presidente Jair Bolsonaro de "genocida".

Em uma live realizada pela TVT, Haddad atacou novamente o presidente. E, como já era de se esperar, aproveitou a oportunidade para destilar todo o "ódio" que carrega:

"O Bolsonaro não tem coluna vertebral. Ele manda a Polícia Federal na casa do menino bem-sucedido, de um youtuber. O governador do estado o chamou de genocida. Eu o chamei mil vezes. E ele manda a PF na casa do youtuber? Por que não manda a polícia aqui? Vai mandar a PF na casa do menino?”.

A mediocridade é espantosa...

Bolsonaro tem o direito constitucional de processar quem bem entender.

A ação de Haddad, tentando se passar por corajoso é puro blefe. "Por que não manda a polícia aqui?", garganteia.

É tudo o que ele quer, para se vitimizar, chorar e ganhar holofotes.

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar