“A gente precisa apenas de liberdade para trabalhar, ninguém aqui pede esmola”, desabafa deputado (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

O deputado Jessé Lopes, de Santa Catarina, falou sobre a situação do estado com exclusividade para a TV Jornal da Cidade Online, no programa Jornal da Noite.

Jessé criticou a desativação das UTIs:

“A meu ver, o maior problema disso é a oscilação da questão de contaminação fazer com que, naquele momento, onde ela está baixando, o governo se acomode e desative UTIs”, ressaltou.

Diante da possibilidade do governo de Santa Catarina querer endurecer ainda mais as medidas restritivas, ele avalia não haver “clima para isso”.

Jesse Lopes falou que as pessoas lamentam por estar desempregadas, e que a reabertura do comércio irá ajudar a reestruturar rapidamente a situação econômica do estado.

“A gente precisa apenas de liberdade para trabalhar, ninguém aqui pede esmola”.

No segundo bloco do programa, o analista político Gustavo Gayer falou sobre os ataques sofridos pelo Presidente Bolsonaro. Para ele, essa situação se dá porque o Presidente estaria impedindo ações de corrupção e esquemas políticos nocivos ao Brasil como acontecia no passado. Gayer ainda analisou os ataques aos conservadores no país e os constantes cerceamentos das liberdades.

Ele avalia que muitos indivíduos já estão cansados até para lutar e sem esperanças diante destes acontecimentos, mas alerta que “a partir do momento que você começa abrir exceções para o cerceamento de liberdade, você nunca mais a terá novamente. E quem paga por isso é a próxima geração”, alertou.

Confira:

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar