Leoni, que alterou música para campanha de Haddad, perde ação para Paula Toller e terá que indenizá-la

Ler na área do assinante

O cantor Leoni, um dos fundadores da banda “Kid Abelha”, perdeu ação em que a ex-colega de grupo, Paula Toller, movia contra ele. O músico terá que pagar indenização por danos morais. Ele foi processado por ter autorizado que a letra da música “Pintura Íntima" fosse modificada para a campanha à presidência do Brasil do petista Fernando Haddad, em 2018.

Toller, que escreveu a canção junto com Leoni, não autorizou a alteração e moveu ação também contra o PT e o 'poste'.

De acordo com a coluna de Ancelmo Gois, do O Globo, a 16ª Câmara Cível do Rio sentenciou Leoni a pagar o valor R$ 50 mil para a cantora por danos morais. Os valores por danos materiais ainda serão calculados.

Tanto Paula, quanto Leoni, escreveram a música “Pintura Íntima", quando ainda faziam parte do “Kid Abelha”. A canção “estourou” no Brasil e se tornou em um dos maiores sucessos do grupo, na década de 1980.

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário,

cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Fonte: IG

da Redação
Ler comentários e comentar