Serra, escolha perfeita, detona salvadorenhos bolivarianos

A turma bolivariana estava muito mal acostumada. Faziam e desfaziam do nosso país na era petista.


Pois é, até El Salvador, totalmente dependente do Brasil, com acordos de cooperação técnica extremamente vantajosos, quis ‘bater de frente’ com a nova diplomacia brasileira.

O presidente daquele país, numa atitude de apoio à presidente afastada, classificou o processo de impeachment de ‘manipulação’, proibiu a embaixadora de participar de eventos oficiais com o novo governo e determinou que ela retornasse à El Salvador para uma consulta.

Diplomaticamente, chamar embaixador de volta é uma atitude extremamente séria, uma afronta.

Se deu mal!

O ministro José Serra não deixou por menos, em duro comunicado, condenou e lamentou a decisão, afirmando que as manifestações de El Salvador ‘revelam amplo e profundo desconhecimento sobre a Constituição e a legislação brasileiras’.

E deixou claro que se El Salvador não se retratar, vai perder a 'mamata'.

da Redação

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Comentários

Mais em Internacional