No Dia da Mentira, Lula conta descarada “potoca”, é desmentido e novamente passa vergonha na web

Ler na área do assinante

No dia 1° de abril, Dia da Mentira, o ex-presidente e ex-presidiário, Luiz Inácio Lula da Silva, a pessoa mais "honesta do Brasil", segundo ele próprio, dá uma aula de "potoca" ou desconhecimento da história política dos Estados Unidos.

Não se sabe por que Lula resolveu "abrir" o baú das lembranças e trouxe à memória a grave crise econômica de 2008, que abalou a nação americana. Problema da narração do petista é que ele - pra variar - inventou uma grande mentira pra tornar a sua fala mais "atraente" e disse que havia "ligado" para o presidente americano, Barack Obama, para se solidarizar e informar que o Brasil não seria abalado em virtude dos supostos investimentos que o Governo do PT havia injetado no BNDES e Banco do Brasil.

"Quando teve a queda do Lehman Brothers, eu liguei pro Obama. Eu falava que a crise aqui ia ser uma 'marolinha' porque reforçamos o investimento públicos com o BNDES e o Banco do Brasil. E o Obama disse que lá ele não tinha como fazer isso."

Mentiroso contumaz, Lula foi desmentido por Daniel Sousa, comentarista do Estúdio Oi, da Globo News, e professor de economia.

No Twitter, Sousa disse:

"Mas, o presidente dos EUA era o George W. Bush, em 15/09/2008. A eleição que Obama venceria, ainda não tinha ocorrido".

Depois da resposta avassaladora, Lula teve mais uma oportunidade de perceber que mentira tem "perna curta".

Afhh!!

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário,

cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar