PMs de vários estados fazem protesto contra a morte do soldado Wesley (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Após a morte do soldado Wesley Santos, na Bahia, dia 28 de março, lideranças policiais contrárias às medidas restritivas rígidas de combate à disseminação da pandemia da Covid-19 no Brasil, estipuladas por Governadores e Prefeitos, estão fazendo duras críticas contra a prisão de trabalhadores no país.

Vários protestos têm sido frequentes entre as polícias de estados como Ceará, Paraíba, Pernambuco e Espírito Santo; desde que o soldado criticou as regras de isolamento social e foi morto por colegas de profissão em uma ação descoordenada da polícia.

Em Salvador, na Bahia, um grupo promoveu uma carreata, dia 31, em protesto contra a morte do soldado da PM. A manifestação começou nas proximidades da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) e o deputado estadual Capitão Alden (PSL) participou da carreata e divulgou registros do ato em suas redes sociais.

Além das críticas às ações do lockdown, os policiais militares também reclamam questões salariais e estrutura de trabalho.

Confira o vídeo:

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário,

cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Fonte: O Globo

da Redação
Ler comentários e comentar