Nos últimos 14 anos e mesmo com pandemia, Brasil deve fechar pela 1ª vez contas externas no azul

Ler na área do assinante

O Brasil deve voltar a fechar as contas externas no azul devido a um novo “boom” de commodities (produtos básicos como: petróleo, grãos e minérios) no mercado internacional, depois de 14 anos.

O país deve alcançar um superávit de US$ 70 bilhões em 2021. O primeiro saldo positivo desde 2007, mesmo após um ano pandêmico e cheio de incertezas na economia.

Em 2020, segundo apontou o Banco Central, o “rombo” foi de US$ 12,5 bilhões, mas o valor foi considerado baixo para os padrões brasileiros e a situação mundial de retração econômica.

Isso engloba todos os negócios do Brasil com o exterior, o saldo comercial de mercadorias e serviços, as remessas de lucros e dividendos, os juros pagos pelas empresas e as transferências pessoais.

Foi surpresa até para o Banco Central, pois, no final de 2020, a instituição previa um novo déficit de US$ 19 bilhões nas contas externas para 2021. Mas, com o aumento nos preços das commodities que o Brasil produz, o BC foi obrigado a elevar a projeção, resultando em saldo positivo.

E as “boas novas” não param por aí. Com as estimativas para as contas de serviços e de renda primária estáveis, a grande diferença veio na projeção para a balança comercial: passou de US$ 53 bilhões para US$ 70 bilhões. Caso o valor se confirme, será o maior da história para o saldo comercial. Nas contas do BC, somente as exportações devem alcançar US$ 256 bilhões este ano, superando o recorde de US$ 253,185 bilhões de 2011.

“Apesar de terem começado o ano em nível deprimido, espera-se que as exportações aumentem a partir de março, impulsionadas pelo escoamento da boa safra de soja, pelo patamar elevado para preços de commodities e pela recuperação da demanda internacional”, destaca o BC, no RTI (Relatório Trimestral de Inflação).

O Ministério da Economia, comandado por Paulo Guedes, também está otimista e espera um superávit comercial recorde para este ano.

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário,

cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Fonte: R7

da Redação
Ler comentários e comentar