PM, irmão do governador afastado Witzel, do Rio, é preso em operação de combate ao PCC

Ler na área do assinante

Douglas Renê Witzel, sargento da Policia Militar paulista e irmão do governador afastado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), foi preso nesta quinta-feira (22), em Jundiaí (SP), durante operação de combate à facção criminosa PCC.

Douglas, que trabalhou por meses na assessoria militar do prefeito Bruno Covas (PSDB) e foi transferido após concluir o curso de sargento, está entre as pessoas investigadas de ligação com o crime organizado em São Paulo. A ação é realizada pela Corregedoria da Polícia Militar e o Ministério Público Estadual.

O sargento, inicialmente, seria alvo de busca e apreensão por parte da Corregedoria, conforme havia determinado o juiz Ronaldo João Roth, da 1ª auditoria do Tribunal de Justiça Militar (TJM), mas acabou preso em flagrante porque foram encontrados objetos ilícitos em sua casa.

Havia um revólver calibre 38, municiado, com a numeração raspada, um simulacro de pistola, munição e dezenas de cartuchos deflagrados, de calibre 380, 38 e 40. Douglas explicou que as armas seriam do sogro dele, que já é falecido.

A Operação “Rebote”, do MP, está sendo desencadeada também em Itapira, Mogi Mirim, Mogi Guaçu, Estiva Gerbi, Valinhos, Indaiatuba e Várzea Paulista e já foram apreendidos diversos materiais relacionados à organização criminosa, entre eles armas de fogo, entorpecentes, celulares e cerca de R$ 60 mil.

As suspeitas contra Douglas Witzel é que ele repassava informações de operações policiais para criminosos ligados ao PCC.

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário,

cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Fonte: Folha

da Redação
Ler comentários e comentar