Canal de humor é censurado pelo canal esquerdista "APOIA-se" e perde apoio financeiro (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Um vídeo publicado nesta quinta-feira (22) por Paulo Souza, integrante do Canal Hipócritas, com mais de um milhão de seguidores no Youtube, informou que cerca de 500 apoiadores que utilizavam a plataforma APOIA.se para realizar doações financeiras, foram proibidos de ajudar o canal.

A suspensão, por iniciativa da plataforma, segundo Souza, veio após publicação de um vídeo em que constava a afirmação de que “homem não tem útero”, fato que foi considerado como “afronta aos preceitos de ideologia de gênero”.

O Canal Hipócritas é reconhecido por tratar, com humor, temas atuais, notícias e fatos do cotidiano, porém com uma linha de atuação política mais conservadora.

Insatisfeitos e ofendidos com a verdade tratada da forma como ela é, os esquerdistas e lacradores de plantão têm utilizado uma prática sistemática de acusação e perseguição aos canais de comunicação que atuam na mesma linha do Hipócritas, o que tem levado plataformas diversas (de mídias digitais e sociais, de doações e apoio financeiro, e outras mais) a, equivocadamente, “cancelar” as vítimas da delação mentirosa, o que acaba levando a uma censura prévia ou mesmo ao impedimento da continuidade do trabalho.

Aguardamos o desenrolar dos fatos e que a justiça prevaleça.

Confira:

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar