Esquerda infiltrada: Site do MEC com "linguagem neutra" é corrigido

Ler na área do assinante

O ministro da Educação, Milton Ribeiro, usou seu perfil no Twitter para responder o jornalista Allan dos Santos que denunciou o uso da chamada "linguagem neutra" no site do MEC.

A postagem feita pelo jornalista aponta a expressão ‘Seja bem-vindx’ em uma publicação da Qualifica Mais, um programa de qualificação nas áreas de tecnologia da informação e comunicação.

Em resposta, o ministro agradeceu ao jornalista por ter apontado o "erro", garantindo que o mesmo já foi corrigido:

“Obrigado Allan, já verificamos, corrigimos e estamos identificando os responsáveis. Apuramos que tal formulário não se originou no MEC, mas decorreu de texto inicial no parceiro EDULIVRE. É realmente inadmissível. Novamente agradeço a vigilância”, escreveu Milton.

Ao que parece, essa é uma pequena amostra do resultado de anos da esquerda monopolizando a Educação brasileira. Em outros tempos, tal fato passaria batido e, pelo contrário, seria exaltado por pessoas como Fernando Haddad, o "poste" preferido de Lula, que foi ministro da Educação nos governos petistas.

A mamata acabou e, aos poucos, a limpeza está sendo feita!

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar