Sobre Janot, Renan vocifera: ‘Mau caráter!’ E Renan sabe o que é ‘caráter’???

Na conversa gravada com Sergio Machado, o presidente do Senado, Renan Calheiros, bradou sua impressão sobre o Procurador Geral da República Rodrigo Janot: ‘Mau caráter! Mau-caráter! E faz tudo que essa força-tarefa (Lava Jato) quer’, disse Renan.


Só no Brasil um sujeito na estirpe de Renan Calheiros ainda sobrevive politicamente, ocupando a chefia de um dos poderes da nação e se arvorando no direito de rotular como ‘mau caráter’ o chefe do órgão que representa a sociedade.

Renan Calheiros é alvo de ao menos 12 inquéritos no STF.

Inexplicavelmente os seus processos adormecem em alguma gaveta do Supremo Tribunal Federal.

A denúncia da ação que responde por peculato, falsidade ideológica e uso de documento falso foi apresentada em 2013, está, portanto, parada no STF há três anos. Se o senador for condenado pelos três crimes poderá pegar somente neste processo, de 5 a 23 anos de cadeia.

O caso aconteceu em 2007, há nove anos, portanto. Renan era presidente do Senado e foi acusado de ter a pensão de sua filha paga por Cláudio Gontijo, um lobista da empreiteira Mendes Júnior. Na época, Renan negou as acusações e apresentou notas referentes à venda de bois para comprovar que tinha renda para as despesas. A Polícia Federal (PF), porém, encontrou indícios de que as notas eram falsas.

O escândalo na época derrubou Renan da presidência do Senado, mas ele teve o mandato de senador preservado pelo plenário da Casa.

Enfim, não possui predicados para julgar ou rotular quem quer que seja, principalmente aquele que, em nome da sociedade, o denunciou.

da Redação

da Redação

Comentários

Mais em Política