Temer e a chance da reabilitação com uma mulher no comando da PF

Numa iniciativa inédita, a Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal (ADPF) realizou entre todos os membros da categoria uma eleição para a confecção de uma lista tríplice a ser entregue ao presidente interino Michel Temer, como sugestão para a escolha do novo Diretor-Geral da instituição.


Surpreendentemente, encabeça a lista uma mulher, a delegada Erika Mialik Marena.

Ela foi a mais votada, conquistando 1065 votos. Em segundo lugar ficou o delegado Rodrigo de Melo Teixeira, com 924 votos, e em terceiro, Marcelo Eduardo Freitas com 685.

A primeira colocada pode ser considerada a candidata da ‘Lava Jato’, pois trata-se de uma das principais investigadoras da Operação.

É uma ótima chance de Temer se recuperar com as mulheres, excluídas de seu ministério, e também de demonstrar o seu apoio e destemor com relação a maior operação contra corrupção de nossa história.

da Redação

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política