Em defesa da liberdade, General Braga Netto refuta "politização" e sobe o tom: “Forças Armadas cumprem a Constituição” (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Durante declarações prestadas na Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional da Câmara, na última quarta-feira (05), o ministro da Defesa, General Walter Braga Netto, afirmou que não há risco de politização das Forças Armadas no Brasil:

“Isto é ponto pacífico entre os comandantes. Já conversamos sobre isto e não existe esta possibilidade”, declarou ele.
“As Forças Armadas cumprem a Constituição Federal, cujo artigo 142 prevê a garantia dos poderes constitucionais, da lei e da ordem”.

Segundo o ministro, democracias fortes dependem de instituições independentes, e que isso não representa uma tutela militar do poder político.

“As Forças Armadas observam esses procedimentos. Prontas para, se houver necessidade, e desde que acionadas dentro do que a Constituição delimita, atuarem para equilibrar qualquer tipo de diferença ou descompensação que houver”, esclareceu ele.

Veja o vídeo:

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar