Novo chanceler chega fulminante, desmente "mídia do ódio" e confirma que China exportará ao Brasil

Ler na área do assinante

Apesar da torcida para que o governo do país asiático repreendesse o Brasil e não encaminhasse os insumos, o ministro da Relações Exteriores, Carlos Alberto França, afirmou, nesta quinta-feira (6), em audiência no Senado, que a China autorizou a exportação da cota de Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA) prevista para o mês de maio.

O chanceler foi ouvido pelos parlamentares durante reunião da Comissão de Relações Exteriores do Senado, que foi realizada com o intuito de obter informações sobre o planejamento e as prioridades da pasta sob sua gestão.

O ingrediente farmacêutico e fundamental para a produção de vacinas. Mas, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) já autorizou a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) a produzir o insumo; a fim de evitar que o Brasil dependa de outras nações e, ao mesmo tempo, alcance autonomia na fabricação dos fármacos.

“Hoje, eu acordei já com notícias positivas do nosso embaixador na China que nos dizia que o governo chinês havia autorizado a exportação de IFA previsto para o mês de maio. Lembrando que hoje, 6 de maio, é o primeiro dia útil na China”, comemorou.

Os insumos chineses são utilizados para a fabricação das duas principais vacinas aplicadas no Brasil e, por isso, o ministro afirmou que o país tem atuado junto a governos estrangeiros para garantir o fornecimento da matéria-prima.

O chanceler voltou a dizer que 80% do ingrediente exportado pela China têm como destino o Brasil e rebateu as críticas da “mídia do ódio” e de opositores políticos em disseminar a ideia de que os governos brasileiro e chinês estariam “em pé de guerra”.

“As relações são amplas. Elas perpassam pelas questões da vacina, sim, mas vão além. O crescimento da China é bom para o Brasil”, garantiu.
"Não há hoje nenhum problema político que permeie ou atrapalhe a nossa produção da vacina aqui", afirmou.

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário,

cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Fonte: G1

da Redação
Ler comentários e comentar