Sobre a operação em Jacarezinho, General Mourão confronta a “esquerdalha”: “Tudo bandido”

Ler na área do assinante

Na manhã da última sexta-feira (07), o vice-presidente general Hamilton Mourão se pronunciou sobre a ação da Polícia Civil na comunidade do Jacarezinho, no Rio de Janeiro, na quinta-feira (06).

Ao comentar sobre as notícias dos 24 bandidos mortos em decorrência da operação, Mourão foi categórico:

“Tudo bandido! Entra um policial numa operação normal e leva um tiro na cabeça de cima de uma laje. Lamentavelmente, essas quadrilhas do narcotráfico são verdadeiras "narcoguerrilhas" tem controle sob determinadas áreas e são um problema da cidade do Rio de Janeiro”, disse o general.

Segundo informações da corporação, entre os mortos estão 24 criminosos, e o policial André Leonardo de Mello Frias, de 48 anos, que foi baleado durante a operação.

Segundo Mourão, não é a primeira vez que as Forças Armadas são chamadas para intervir na região, onde os traficantes tentam comandar a comunidade.

“É um problema sério da cidade do Rio de Janeiro que vamos ter de resolver um dia ou outro”, completou.

Durante a operação foram apreendidas diversas armas e até munição antitanque, incluindo uma escopeta, uma metralhadora, um revólver, 14 granadas e 16 pistolas.

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar