Hipocrisia: Dilma agora respeita delator e louva a ‘Lava Jato’ (sqn)

O povo que foi às ruas pelo impeachment de Dilma, o foi em protesto contra a corrupção.


Um mal que se vê encrustado, de maneira praticamente generalizada, sobre toda a classe política brasileira.

O universo de hipocrisia e mentiras em que vive a presidente afastada é nauseante. Não foi sem motivo que perdeu totalmente a credibilidade.

De outro lado, o momento da Lava Jato é clara demonstração de que a operação não tem lado, nem partido.

Eis que surgiu um pretenso delator a incriminar alguns algozes de Dilma.

Repentinamente, ela, eterna crítica de delatores - porque incriminavam os seus parceiros - mudou de opinião. Pior, vai utilizar os áudios de Sergio Machado como instrumento de sua defesa.

Na sua completa insanidade, quer demonstrar que o impeachment foi um ‘golpe’ para frear a ‘Lava Jato’.

Uma indisfarçável asneira, sem o menor cabimento, que, brevemente colocará a presidente afastada numa situação deprimente.

Exatamente no dia em Luiz Inácio tiver sua prisão decretada.

Incrivelmente, ela e o PT, louvando a Lava Jato, estão reforçando ainda mais a autoridade de Sérgio Moro.

E que ninguém seja poupado é o clamor do povo brasileiro.

Amanda Acosta

redacao@jornaldacidadeonline.com.br

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política