Queiroga desmente Doria

Ler na área do assinante

O Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, rebateu a declaração do governador de São Paulo, João Doria (PSDB), de que supostos desgastes diplomáticos com a China estariam impedindo a liberação de insumos farmacêuticos para o Brasil.

“Não existe entrave diplomático”, garantiu.

Nesta quarta-feira (12), o Instituto Butantan disse que se reuniu com embaixador do Brasil, em Pequim, mas não conseguiu avançar na pauta sobre a liberação de dez mil litros do ingrediente farmacêutico ativo (IFA), que aguardam autorização para embarque no país asiático. Queiroga e o ministro das Relações Exteriores, Carlos França, participaram do encontro.

O governador João Doria se pronunciou sobre o caso:

“Enquanto tiver um entrave diplomático, a China não autorizará o embarque do insumo”.

O Ministério das Relações Exteriores informou, por meio de nota, que a pasta mantém tratativas com a China e "acompanha permanentemente o processo de autorização de exportação de IFAs, inclusive por meio da Embaixada do Brasil em Pequim".

A pasta refutou as alegações do tucano e afirmou que as "autoridades chinesas comprometeram-se a fazer todo o possível para cooperar com o Brasil no combate à pandemia de Covid-19 e reiteraram que eventuais atrasos não são intencionais, dado que a China está exportando IFAs para diversos países"; o que tem gerado sobrecarga tanto na fabricação de vacinas e insumos quanto nos trâmites burocráticos necessários para liberação.

O Governo Chinês autorizou a liberação dos IFAs para o Brasil no mês de maio.

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário,

cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Fonte: CNN

da Redação
Ler comentários e comentar