Preso e censurado, pela primeira vez Oswaldo Eustáquio relata os momentos da tortura que sofreu (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Um trecho do depoimento do jornalista Oswaldo Eustáquio ao Ministério Público do Distrito Federal vem causando comoção nas redes sociais.

Nele, Eustáquio relata os momentos em que foi torturado pelos policias:

“É uma dor que eu não consigo expressar. Porque vai misturando a dor. É uma coisa descomunal”, contou ele.

A publicação foi feita pela esposa do jornalista, Sandra Terena, no Twitter:

“O jornalista Oswaldo Eustáquio relatou ao MP como foi espancado e torturado na Papuda. Essa prática é conhecida como ‘Extração’. Meu marido segue preso, censurado e na cadeira de rodas, enquanto a ABRAJI emite nota em solidariedade à CNN, um jornalista é ignorado pela sua classe”, desabafou ela, ao postar o vídeo.

Confira o relato de Oswaldo Eustáquio:

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar