João Dória anuncia, não entrega e é desmascarado por Eduardo Bolsonaro

Ler na área do assinante

Um tuíte do deputado federal Eduardo Bolsonaro acaba de escancarar a péssima gestão do governador João Dória, também nos temas relacionados ao combate à pandemia do vírus chinês.

Em 13 de abril, João Dória, sob alegação de que o governo federal não estaria fazendo a parte dele, anunciou a compra de 9 milhões de medicamentos utilizados no “kit intubação” para pacientes internados com COVID-19. Mas, passados quase 44 dias desde o anúncio, a Secretaria Estadual de Saúde informou que não recebeu os medicamentos e que o processo ainda estaria em andamento, sem previsão de entrega.

Nesta segunda-feira (24), por exemplo, a Santa Casa de Araraquara, no interior do estado, suspendeu as incubações, pela falta do medicamento, cuja responsabilidade de aquisição, estocagem e distribuição (toda a logística) é obrigação dos governos estaduais, por meio de suas secretarias, com as verbas federais já encaminhadas.

O Ministério da Saúde acompanha o processo e envia informações dos fabricantes dos kits, para que os governos estaduais possam negociar as compras sem que o estoque chegue a um estado crítico. Só em 2021, o governo federal encaminhou ao estado de São Paulo, mais de 1 milhão de equipamentos.

Eduardo Bolsonaro publicou uma foto de Dória com a notícia e escreveu:

“Vai para a CPI também”?

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar