Guga Chacra tenta lacrar em cima de Bolsonaro, mas é desmascarado por Constantino

Ler na área do assinante

O jornalista e comentarista político, Rodrigo Constantino, usou o Twitter, nesta segunda-feira (31), para desmentir uma narrativa do inconsequente Guga Chacra. O global publicou em seu perfil nas redes sociais que o presidente Jair Bolsonaro teria “uma imagem horrível no exterior” e que seria visto um “negacionista” da pandemia e do meio ambiente.

“Artigo da Vanessa Bárbara no NYTIMES sobre Bolsonaro. O atual presidente brasileiro tem uma imagem horrível no exterior. É visto como um negacionista na pandemia e tb no meio ambiente. De toda a AL, somente moradores vindos do Brasil não podem entrar, diretamente, nos EUA”.

Atento às narrativas criadas por jornalistas militantes brasileiros, Constantino rebateu Chacra e disse que o veículo para o qual a repórter escreve é de extrema esquerda e que a suposta “péssima imagem” do presidente é notada apenas por opositores ao Governo Bolsonaro.

“Guga usa um jornal de ESQUERDA como o NYT para “comprovar” que o Bolsonaro tem péssima imagem no exterior, ignorando que ele tem péssima imagem para a ESQUERDA internacional, para a patota que elogia o Lula, o que seria o óbvio ululante”, explicou.

E prosseguiu:

“Qual o próximo passo? Mencionar o vídeo do imitador de focas que também foi parar no mesmo NYT? Seria apropriado, já que o imitador de focas até compartilha as tentativas de ‘lacração’ do grande jornalista isento que já cobriu guerras no passado... :)”, ironizou.

Misteriosamente, Guga Chacra omitiu que, em abril deste ano, durante a “Cúpula do Clima”, que foi idealizada pelo Governo de Joe Biden, o presidente norte-americano elogiou a postura e o envolvimento de Jair Bolsonaro nas questões ambientais do Brasil. Biden chegou a, inclusive, encaminhar carta ao governo brasileiro para informar que, se as medidas estipuladas fossem cumpridas, não teria problema para enviar recursos ao país.

"Estamos satisfeitos que o presidente Bolsonaro tenha reconhecido o importante papel do setor privado em nos ajudar a encontrar soluções. Concordamos com sua ênfase no envolvimento necessário dos povos indígenas e comunidades tradicionais na proteção das florestas e da biodiversidade e com seu reconhecimento do importante papel do setor privado em nos ajudar a encontrar soluções", afirma trecho do documento que Chacra e Vanessa, certamente, não leram.

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário,

cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar