Vídeo: debate entre Sabatella e Garcia demonstra quem defende um projeto e quem defende o país

No atual momento da vida nacional, onde as figuras públicas estão sendo estimuladas a se manifestar, um debate proposto pelo apresentador Serginho Groisman do programa ‘Altas Horas’ da Rede Globo foi extremamente elucidativo a respeito dos posicionamentos que vem sendo adotados pelos famosos, esclarecendo a diferença crucial daquele que luta, sabe-se lá por quais razões, por um projeto de poder de um partido político, e aquele que verdadeiramente quer o melhor para o Brasil.


Sabatella, petista inveterada, Dilmista de quatro costados, entrou naquela enfadonha pregação da questão do ‘golpe’, de respeito ao voto e a defesa de um projeto de um governo eleito pelo povo. Disse que por seu posicionamento foi ofendida e caluniada, principalmente na questão da Lei Rouanet e que percebeu ‘movimentos mais radicais’ de incitação ao ódio, e que nesse sentido estaria tomando medidas legais ‘para que aja um limite’.

Marcio Garcia, mais leve, esclareceu que não foi vítima de xingamentos, apenas percebeu o posicionamento das pessoas com muita convicção. Disse que foi pra rua em função de tudo o viu acontecer no país. Nesse momento, fez uma analogia entre uma discussão em torno de futebol entre um corintiano, um palmeirense e um são-paulino, enfatizando que por mais que discutissem um jamais conseguiria convencer o outro de que o seu time é o melhor.

Foi então interrompido por Sabatella: ‘mas, é que não é futebol...’

Garcia pediu licença para concluir e prosseguiu, dizendo que as posições individuais adotadas pelas pessoas tinham que ser respeitadas, mas que o momento é de convergência, pois um sentimento ele acredita existir entre ele, Sabatella e toda a população: ‘morar num país melhor’.

Vale a pena assistir o vídeo.

da Redação 

Veja o vídeo:

da Redação

Comentários

Mais em Variedades