Em novo "surto", Renan envia nota a seleção e pede que jogadores não disputem a Copa América

Ler na área do assinante

O senador Renan Calheiros, relator da CPI da Covid, enviou uma nota aos jogadores e comissão técnica da seleção brasileira, pedindo que não participem da Copa América.

Renan, descaradamente opositor do presidente Jair Bolsonaro, chegou a dizer que uma eventual decisão de não disputar o torneio continental "significará sua maior conquista".

Com início previsto para o dia 13 de junho, a Copa América reúne 10 seleções de futebol para disputar 28 jogos.

Trazer o campeonato para o Brasil foi uma iniciativa do presidente Bolsonaro, o que parece ser motivo suficiente para que Renan se oponha.

Segundo o senador, o Brasil não está preparado para receber a competição, mas causa estranheza o fato do mesmo não ter se pronunciado sobre os demais eventos esportivos que vem ocorrendo no país.

“Morrem em média perto de 2.000 brasileiros todos os dias vitimados pela doença e o colapso do atendimento hospitalar se avizinha. Isso significa que a cada partida de futebol da Copa América, de 90 minutos, mais de 120 brasileiros estariam morrendo ao mesmo tempo.
Futebol é uma das maiores expressões da alegria. Há alegria em uma situação como essa?”, questionou ele, na nota, mas sem citar os jogos dos campeonatos estaduais, como o Campeonato Paulista.

No mesmo sentido das críticas de Renan, são as críticas emitidas pela Rede Globo, que faz transmissões de outros torneios, mas perdeu a Copa América para o SBT.

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar