De fininho, sem fazer alarde, Freixo deixa o PSOL

Ler na área do assinante

A curiosa saída do deputado federal Marcelo Freixo do PSOL, sigla que ele defendeu por 16 anos, é prenúncio de uma articulação de estratégias pensando em 2022.

O parlamentar filiou-se ao PSB.

Freixo anunciou:

“Hoje, encerro esse ciclo com a certeza de que apesar de não estarmos no mesmo partido seguiremos na mesma trincheira de defesa da vida, da democracia e dos direitos do povo brasileiro.
Essa decisão foi longamente amadurecida e tomada após muito diálogo com dirigentes nacionais e estaduais, a quem agradeço pelas reflexões fraternas que compartilhamos”, escreveu nas redes sociais, acrescentando que a ideia do PSB é “fazer uma grande aliança, com o PSOL e setores bem mais amplos, para derrotar Bolsonaro e o bolsonarismo no Rio de Janeiro. No PSB, isso vai ser mais viável e factível”.

Analisando o cenário, fica escancarado que há uma "trama" por trás disso tudo...

Recentemente, o “sumido” Jean Wyllys, também deixou o PSOL migrando para o PT.

A "esquerdalha" começou a agir...

Muito cuidado com essa turma, são como hienas: atacam em bando!

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário,

cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Fonte: UOL

da Redação
Ler comentários e comentar