Senador se enfurece e parte pra cima do ex-secretário do Amazonas frente a frente (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Nesta terça-feira, 15, o senador Jorginho Mello se indignou com a falta de respostas do ex-secretário de Saúde do Amazonas, Marcellus Campelo.

Sem enrolação o senador disse:

“O senhor não trouxe muitas luzes para esclarecer muita coisa. Como se deu essa compra [de respiradores] nessa adega de vinhos? Por que não foi comprado de uma empresa especialista? Isso é o fim da picada. O transporte de cilindros de oxigênio foi solicitado no dia 7, à noite, e executado pela FAB no dia 8”.

O senador ainda teceu fortes criticas ao trabalho do ex-secretário e enfatizou a responsabilidade do estado do Amazonas:

“O senhor deve ter aptidões para ser um bom engenheiro, mas, como secretário, foi muito mal. O senhor não contribuiu para enfrentar a pandemia. O senhor não tem segurança no que fala, talvez para não se comprometer. Foi uma lástima”.

E disse mais:

“Tomara que isso sirva de lição para o povo do Amazonas. Se o senhor tivesse trazido um pouco mais de luz para os compartimentos, o que não veio. Sua gestão foi uma tragédia. Incompetência com o dinheiro público. O senhor e o governador brincando com isso. Não faltou dinheiro. O que faltou foi ação, foi ter planejamento. Não tinha nada! Nada! Estavam brincando com a saúde do povo do Amazonas. Lamento a sua participação. Foi pobre e não esclareceu muita coisa. E o governador foi se esconder pedindo ao STF para não vir aqui. Descaso com a população do Amazonas”.

Confira:

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar