Marcos Rogério sobe o tom e detona governador do Amazonas: "Fugiu da CPI" (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Na última terça-feira (15), durante o depoimento do ex-secretário da Saúde do Amazonas, Marcellus Campelo, o senador Marcos Rogério expôs a ineficiência na gestão da pandemia pelo governador do Amazonas, Wilson Lima, com duras críticas às medidas adotadas por ele.

Ao questionar o ex-secretário da Saúde, Marcos Rogério lamentou a ausência do governador para responder por sua "irresponsabilidade administrativa":

“Sobre Manaus, no Amazonas, todos sabemos que a crise certamente foi agravada com os escândalos de corrupção. Gostaria que o governador do Amazonas estivesse sentado nesta cadeira para responder objetivamente às perguntas, mas ele fugiu da CPI (…). Houve absoluta falta de previsibilidade. Escolheu expor a população do Amazonas ao risco de morte por irresponsabilidade administrativa”, disse.

O senador aproveitou para questionar sobre as empresas envolvidas em esquemas fraudulentos com o governo do estado, conforme apontou a Polícia Federal:

“Faltou planejamento. Houve um lapso temporal de falta de cobertura. É um crime contra a humanidade. É uma questão de lógica, é racional. As empresas que foram apontadas pela Polícia Federal como integrantes de esquemas fraudulentos, elas continuam operando em serviços para o estado do Amazonas ou foram afastadas e substituídas?”, indagou.

Confira:

Em tempos de "censura", precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar