Roberto Dias paga fiança e é liberado

Ler na área do assinante

Roberto Ferreira Dias, ex-diretor de Logística do Ministério da Saúde, foi liberado ao pagar fiança no valor de R$ 1,1 mil, após ser preso por ordem do presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, Omar Aziz.

A ordem de prisão dada por Aziz teve, como justificativa, a alegação de que Ferreira Dias teria mentido ao colegiado durante o seu depoimento.

O depoimento do ex-diretor de logística começou na manhã da última quarta-feira (07), e durou mais de sete horas. Por volta das 18h, Aziz acusou o depoente de mentir e cometer perjúrio, e ordenou a prisão.

A acusação de perjúrio consiste em ‘fazer afirmação falsa, ou negar ou calar a verdade em processo judicial, ou administrativo, inquérito policial, ou em juízo arbitral’.

Após ficar detido por cerca de cinco horas na sede da Polícia Legislativa do Senado, onde recebeu a visita dos senadores Marcos Rogério e Marcos do Val, Ferreira Dias foi liberado acompanhado de sua advogada, após o pagamento da fiança.

Enquanto esteve detido, Ferreira Dias prestou depoimento sobre suas falas durante a CPI, apontadas por Omar Aziz como falsas. O relatório deste segundo depoimento foi encaminhado ao Ministério Público.

Ele foi detido com base em um artigo da lei de 1952, que trata das comissões parlamentares de inquérito. O artigo diz que constitui crime “fazer afirmação falsa” perante a CPI.

No depoimento que tanto irritou Aziz, o ex-diretor de logística negou ter cobrado propina em negociação para aquisição da vacina AstraZeneca, conforme havia sido denunciado pelo policial militar Luiz Paulo Dominghetti, e disse que não fez pressão para que a vacina indiana Covaxin fosse liberada.

O Jornal da Cidade Online é hoje uma voz em defesa da nossa pátria.

Por isso somos atacados por grupos anônimos e pela grande mídia perversa que quer o monopólio da informação e da opinião.

Estamos sobrevivendo, mas precisamos da ajuda de nosso leitor.

Faça a sua assinatura e tenha acesso ao conteúdo exclusivo da Revista A Verdade.

Clique no link abaixo:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar