Mais um “machão de internet” faz ameaças a Bolsonaro, mas se esconde e 'chora', após ser descoberto

Ler na área do assinante

Após a grave denúncia do deputado federal Bibo Nunes (PSL-RS), de internautas que sugeriam a um homem que diz ser o cozinheiro do presidente, que o envenene (em agenda a ser cumprida em Bento Gonçalves-RS, nesta sexta-feira), um novo post, agora no Twitter, sugere que Jair Bolsonaro seja alvejado por atiradores, durante o trajeto da motociata, marcada para este sábado (10) em Porto Alegre.

O autor, de nome Gilberto Quevedo (repare na bandeira da Palestina ao lado do nome), escreveu:

“Gente, vocês viram que o Presidente do Haiti foi assassinado? A propósito, aqui está o itinerário do passeio de moto do Bolsonaro em Porto Alegre, no próximo sábado. #EntendedoresEntenderão #AtiradoresAtirarão”

Denunciado por uma enxurrada de internautas, ele teve a conta bloqueada. Gilberto Quevedo, entretanto, não bloqueou ou restringiu sua página no Linkedin, onde há a informação de que ele é funcionário público na prefeitura de Eldorado do Sul, no interior do Rio Grande do Sul.

Nossa reportagem entrou em contato com a prefeitura, nos telefones que constam no site oficial e seguiu a sequência de números sugeridas pelo sistema automático, buscando primeiro a assessoria de comunicação do gabinete do prefeito e, em seguida, a chefia de gabinete, mas os telefones não foram atendidos, após várias tentativas.

O fato é que as “conspirações” contra o presidente da República na rede tem se tornado mais frequentes, e parecem mesmo a ação de pessoas sem noção de realidade, que comentam sem conhecer as leis e o impacto do que escrevem e ainda pelos famosos “machões de internet”, que correm para baixo da cama e choram ao primeiro sinal de que a Polícia está na porta.

Isso tudo tem sido estimulado pelo crescente ódio da mídia extrema esquerdopata e até por muitas celebridades e lideranças políticas, que cospem bobagens 24 horas por dia, inconsequentemente e impunemente. A CPI em curso no senado, é o maior exemplo.

Na verdade, estão desesperados e inconformados com a enorme popularidade do presidente da República.

O Jornal da Cidade Online é hoje uma voz em defesa da nossa pátria.

Por isso somos atacados por grupos anônimos e pela grande mídia perversa que quer o monopólio da informação e da opinião.

Estamos sobrevivendo, mas precisamos da ajuda de nosso leitor.

Faça a sua assinatura e tenha acesso ao conteúdo exclusivo da Revista A Verdade.

Clique no link abaixo:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar