Surge uma voz lúcida entre os artistas: Erasmo Carlos detona CPI do "circo"

Ler na área do assinante

O cantor Erasmo Carlos, um dos ícones da Jovem Guarda, criticou duramente o desenvolvimento da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid.

Erasmo, que recentemente completou 80 anos, detonou a CPI:

“É um circo. É inacreditável, eu não sei como tem gente tão sem noção. Fico bestificado de ver tanta desinformação. A cada dia sou surpreendido por mais blablablá, isso me deixa muito triste”, declarou ele.

O cantor aproveitou para comentar como ele e a esposa vem enfrentando a pandemia:

“Há um ano e quatro meses eu e minha mulher estamos dentro de casa. A gente não sai, não vai a lugar nenhum. Cumpri bem todas as regras. A gente foi se adaptando, sentindo falta de algumas coisas”, contou ele.

Erasmo também aproveitou para expor sua revolta com os políticos que supostamente estão envolvidos nos esquemas de corrupção durante a crise:

“Fico bestificado com quem não é assim [honesto], essa gente corrupta que governa. Não admito alguém usar uma pandemia em proveito."

O Jornal da Cidade Online é hoje uma voz em defesa da nossa pátria.

Por isso somos atacados por grupos anônimos e pela grande mídia perversa que quer o monopólio da informação e da opinião.

Estamos sobrevivendo, mas precisamos da ajuda de nosso leitor.

Faça a sua assinatura e tenha acesso ao conteúdo exclusivo da Revista A Verdade.

Clique no link abaixo:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar