Para pagar indenização a Collor, Ciro tem imóvel leiloado, desafeto arremata e ainda zomba da situação

Ler na área do assinante

Já declarado pré-candidato à presidência nas eleições de 2022, Ciro Gomes, vem pagando caro por seu "surtos" de raiva.

Conhecido por atacar qualquer um que considere como adversário, Ciro teve um imóvel leiloado para pagar uma indenização por danos morais ao ex-presidente Fernando Collor.

A indenização, de cerca de R$ 400 mil, foi estipulada pela Justiça em razão de uma declaração de Ciro, em uma entrevista publicada em 1999.

Na ocasião, Ciro afirmou que Lula deveria ter chamado Collor de "playboy safado" e "cheirador de cocaína", no debate eleitoral de 1989.

Em razão de Ciro não ter efetuado o pagamento da indenização, um de seus imóveis, situado em Fortaleza, foi leiloado por R$ 520 mil, na última segunda-feira (12).

O imóvel foi arrematado pelo ex-presidente do Senado, Eunício Oliveira, que ironizou a situação em uma entrevista ao jornal Folha de S. Paulo:

“Estava barato. Eu sou investidor, a imobiliária compra e vende”, disse o ex-senador, às gargalhadas.

Em outra entrevista, para a revista Veja, Eunício aproveitou para alfinetar as intenções políticas de Ciro, que já perdeu outras ações judiciais:

“Arrematei de sacanagem… O homem não administra nem o patrimônio dele, quer administrar o Brasil? […] Vou arrematar tudo. Está barato”, declarou.

O Jornal da Cidade Online é hoje uma voz em defesa da nossa pátria.

Por isso somos atacados por grupos anônimos e pela grande mídia perversa que quer o monopólio da informação e da opinião.

Estamos sobrevivendo, mas precisamos da ajuda de nosso leitor.

Faça a sua assinatura e tenha acesso ao conteúdo exclusivo da Revista A Verdade.

Clique no link abaixo:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar