Manuela, linda, bela e comunista, mas cuida zelosamente de seu patrimônio

Se o país é capitalista, todos tem o direito de se preocupar com o seu crescimento patrimonial, independentemente de sua ideologia.


A verdade é que em país capitalista, para se viver com um mínimo de dignidade, é preciso de dinheiro.

Não há o que se criticar com relação àqueles que procuram honestamente adquirir alguma riqueza, aliás é algo louvável.

Entretanto, quando uma deputada comunista consegue fazer com que seu patrimônio, em apenas quatro anos cresça 1.200 %, segundo declaração dela própria à Justiça Eleitoral, causa enorme estranheza.

É o caso da deputada Manuela D’Avila, gaúcha, inteligente, comunista, mas que sabe movimentar os seus ganhos de maneira a fazer inveja ao mais ardoroso capitalista.

De qualquer, se Lenin fosse vivo ficaria assombrado com tamanho desvio ‘pequeno burguês’, porém Stalin, que exercia os rigores do comunismo em sua plenitude, mandaria para o pelotão de fuzilamento.

da Redação

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política