Cara de pau, em nota oficial, Gleisi lamenta computador do filho levado pela PF

Em nota oficial, a senadora Gleisi Hoffmann disse que hoje foi ‘um dia muito triste’ e, tragicômica atriz, concluiu: ‘Vieram coercitivamente buscá-lo em casa, na presença de nossos filhos menores. Um desrespeito humano sem tamanho, desnecessário. Não havia nada em nossa casa que podia ser levado. Mesmo assim levaram o computador do meu filho adolescente’.

Em momento assim, minha consciência não escapa: na hora de desviar e roubar dinheiro público, nenhum deles pensa nos filhos, né?! Aliás, o dinheiro afanado dos cofres públicos serve, também, para dar uma vida de luxo e mordomias para esses filhos, que agora terão que conviver com uma realidade indisputável: nasceram numa família de bandidos, o pai está no xilindró e a mãe estará em breve. Pobres crianças. Vão pagar o preço pela indecência e pilantragem dos pais.

Quanto ao computador do filhote, fico imaginando que o esquema de corrupção que envolve o pai e a mãe roubou mais de R$ 100 milhões de aposentados, pensionistas, funcionários públicos e congêneres.

Um computadorzinho é pouco, senadora! Eles vão sentir bem mais quando levarem a senhora para o xilindró.


Helder Caldeira

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política