Depois de Bolsonaro dizer duras verdades, Moro "estranhamente" enaltece Barroso (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Neste domingo (18), após receber alta do Hospital Vila Nova Star, o presidente Jair Bolsonaro questionou o "ativismo político" do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso, contra o voto impresso auditável.

“Por que a vontade doida do [Luís Roberto] Barroso de manter o sistema como está? A apuração tem que ser também pública.
Temos que afastar aquela história de que quem ganha eleição não é quem vota, mas quem conta os votos. […] Por coincidência, quem faz o maior ativismo contra o voto auditável é o ministro Barroso, presidente do TSE.”, disse Bolsonaro.

Confira:

Curiosamente, na tarde de hoje o ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro "ressurgiu" nas redes sociais para enaltecer Barroso.

“Vou imitar parcialmente o grande Ministro Barroso.
Dica da semana para leitura (viagens são uma boa ocasião): Tempos ásperos ou Tiempos recios do ótimo Nobel de Literatura Vargas Llosa. Poucos conhecem a América Latina tão bem.”, escreveu Moro, em referencia a um livro.

Uma enxurrada de comentários - a grande maioria citando a estranheza da ação - tomou conta da publicação do ex-juiz.

O Jornal da Cidade Online é hoje uma voz em defesa da nossa pátria.

Por isso somos atacados por grupos anônimos e pela grande mídia perversa que quer o monopólio da informação e da opinião.

Estamos sobrevivendo, mas precisamos da ajuda de nosso leitor.

Faça a sua assinatura e tenha acesso ao conteúdo exclusivo da Revista A Verdade.

Clique no link abaixo:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar