Policial morre, sindicato denuncia "sucateamento" e diz que "descaso" em SP "pode ter resultado na morte" (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Um policial civil acabou morto após sua arma falhar em uma troca de tiros com um suspeito de feminicídio.

O triste fato ocorreu na Grande São Paulo, quando a bala disparada pelo agente não foi ejetada.

Ao comentar o lamentável episódio, o Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo (Sindpesp) afirmou que a morte do policial pode ter sido resultado do descaso da administração pública.

O Sindpesp emitiu uma nota lamentando o ocorrido e afirmando que ‘há anos denuncia o sucateamento da Polícia Civil de São Paulo e cobra, reiteradamente, a aquisição de novos equipamentos, incluindo armamento, para a instituição’.

“Lamentavelmente, desta vez o descaso da administração com a Polícia Civil pode ter resultado na morte de um policial. Em setembro do ano passado, chegou-se ao limite da administração ofertar revólveres usados, modelo de mais de 30 anos, aos novos policiais saídos da Academia da Polícia Civil, situação que foi amplamente denunciada pelo Sindpesp.”,apontou a nota emitida pelo Sindicato

Confira:

O Jornal da Cidade Online é hoje uma voz em defesa da nossa pátria.

Por isso somos atacados por grupos anônimos e pela grande mídia perversa que quer o monopólio da informação e da opinião.

Estamos sobrevivendo, mas precisamos da ajuda de nosso leitor.

Faça a sua assinatura e tenha acesso ao conteúdo exclusivo da Revista A Verdade.

Clique no link abaixo:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar