Para desespero da esquerdalha, sargento da Marinha garante segunda medalha brasileira em Tóquio

Ler na área do assinante

Depois da medalha de prata, a primeira do Brasil na Olimpíada de Tokio, neste domingo (25 – horário do Japão) conquistada pelo skatista Kelvin Hoefler, um filho de Policial Militar, a segunda medalha, desta vez de bronze, veio mesmo pelas mãos de um militar.

Parabéns ao 3° Sargento Daniel Cargnin, do Programa Olímpico da Marinha, pela conquista da Medalha de Bronze no judô. A apurada técnica e a garra demonstradas por Daniel em Tóquio orgulham e inspiram todos os brasileiros. Viva o Brasil! Viva a Marinha! Tudo pela Pátria!

Esta mensagem, no Twitter, foi deixada pelo Comandante da Marinha Almirante de Esquadra Almir Garnier Santos, exaltando o feito do gaúcho de 23 anos, Daniel Cargnin, que ficou com o bronze na categoria peso meio-leve (até 66 Kg).

A grande mídia exaltou o feito, mas não fez muita questão de mostrar “de onde veio mais um vencedor”!

E a esquerdalha, será que está comemorando?

O Jornal da Cidade Online é hoje uma voz em defesa da nossa pátria.

Por isso somos atacados por grupos anônimos e pela grande mídia perversa que quer o monopólio da informação e da opinião.

Estamos sobrevivendo, mas precisamos da ajuda de nosso leitor.

Faça a sua assinatura e tenha acesso ao conteúdo exclusivo da Revista A Verdade.

Clique no link abaixo:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar