Bolsonaro encara Barroso: "É justo quem tirou Lula da cadeia ser o mesmo que vai contar os votos no TSE?” (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Em sua live da última quinta-feira (29), o presidente Jair Bolsonaro voltou a falar sobre a campanha que vem sendo feita contra o voto impresso auditável, principalmente pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso.

Bolsonaro afirmou que Barroso tem promovido ações contra a proposta do voto impresso auditável, chegando a interferir na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara (CCJ), para barrar o projeto.

Bolsonaro apontou, ainda, a incongruência em um sistema onde os responsáveis pela apuração das eleições são, justamente, os que liberaram o petista Lula para concorrer no pleito.

“É justo quem tirou Lula da cadeia ser o mesmo que vai contar os votos numa sala secreta no TSE?”, questionou ele.

Confira:

O Jornal da Cidade Online é hoje uma voz em defesa da nossa pátria.

Por isso somos atacados por grupos anônimos e pela grande mídia perversa que quer o monopólio da informação e da opinião.

Estamos sobrevivendo, mas precisamos da ajuda de nosso leitor.

Faça a sua assinatura e tenha acesso ao conteúdo exclusivo da Revista A Verdade.

Clique no link abaixo:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar